Redescobrir o mundo rural

sábado, outubro 29, 2005

"A paisagem é magnífica. É óptimo observar como o mar,
as paisagens e as habitações se conjugam numa harmonia plena."

( comentário registado por um dos participantes no Projecto de Intervenção Ambiental
aquando da sua visita à freguesia)

Hoje quero dar a conhecer a Floresta Laurissilva ou Floresta de Nuvens, como também é conhecida. Uma verdadeira relíquia que mantém quase inalterada a vegetação endémica dos Açores, com habitats de comunidades pioneiras cujas origens remontam às florestas húmidas do Terciário, existentes há milhões de anos aquando das últimas glaciações.
Após deslocação em viaturas, o percurso tem início num trilho antigo da Serra. Este trilho liga uma zona de pastagem de alta altitude a uma lagoa natural no cimo da montanha, a Lagoa do Pinheiro e a uma nascente, a Nascente das Caldeirinhas.
Ao longo deste percurso natural é possível observar espécies como o Louro (Laurus azorica), o Cedro do Mato (Juniperus brevifolia) e a Uva da Serra (Vaccinium cylindraceum). Existe um estrato ervário composto por diversos fetos e as turfeiras. Nestas turfeiras encontra-se um musgo endémico, o Sphagnum nitidulum que absorve até 10 vezes mais o seu peso em água permitindo a lenta libertação dessa água para os aquíferos suspensos, possibilitando assim um abastecimento contínuo às nascentes.
Os altos teores em humidade favorecem o crescimento de muitos outros organismos, nomeadamente musgos e briófitos, cuja actividade biológica contribuiu para a absorção, retenção e purificação da água.

2 Comments:

At 7:28 da tarde, Blogger 0uts1d3r said...

Parece ser um local lindo :-) Floresta de Nuvens? até o nome é bonito :-) Fica onde? Sintra? não há imagens?

 
At 10:01 da tarde, Blogger vidal said...

A floresta de nuvens existe nos Açores, mais concretamente nas zonas elevadas da ilha Terceira. Crescem em áreas de vulcanismo recente, onde os solos ainda não estão devidamente formados, e os nutrientes que as alimentam vêm do mar, carregados pelas nuvens e nevoeiros.

 

Enviar um comentário

<< Home